Uma das atrações que chamam bastante à atenção em Gramado é o parque Snowland. Trata-se de um parque de neve indoor. O mais interessante é que o Snowland funciona o ano inteiro. Isso mesmo! Eu e a Milena fomos em janeiro, época de verão no hemisfério sul, e passamos bastante frio dentro do parque. Principalmente na Montanha de Neve.

Mas a grande pergunta é: vale à pena ir ao Snowland?

Se você quer uma resposta rápida, aí vai minha opinião. Sim, vale à pena ir ao Snowland. Principalmente se você nunca viu neve. E este era o nosso caso.

Eu e a Milena tivemos oportunidade de praticar esportes que, até então, nós não conhecíamos. Eu pratiquei Snowboard e a Milena optou pelo Esqui. Foi muito divertido e... cansativo. Como foi nossa primeira vez, levamos vários tombos. E em um ponto nós dois concordamos: cair e levantar foi bem mais cansativo do que ficar em pé na prancha ou nos esquis.

Na Montanha de Neve também há outras atrações. Uma delas é o Tubbing, que consiste em descer na neve com uma boia. Quando fomos, a fila era grande e a descida foi bem rápida. Então só fomos uma vez.

Também pudemos patinar no gelo. Uma atividade que não é tão radical e perigosa quanto esqui e snowboard, mas que também causou alguns tombos na pista. Nada que tirasse a diversão. Foi muito bom!

O Snowland tem ainda um simulador de esqui, uma área de jogos eletrônicos e lanchonetes. Na área da Montanha da Neve tem uma cabana que serve chocolate quente. Uma boa pedida para esquentar o corpo quando o frio começa a incomodar.

A decoração dos ambientes do parque é muito bem feita e remete a ambientes de neve, mesmo. Depois de um tempo dentro do parque fica até fácil esquecer que estava fazendo calor lá fora.

Max no Snowboard do parque Snowland

Então, vale mesmo à pena ir ao Snowland?

A minha resposta rápida diz que sim. Mas deixa eu elaborar uma resposta com mais detalhes.

O Snowland vale à pena se: você nunca viu neve e quer conhecer; você nunca esquiou ou fez snowboard e quer tentar; você gosta de sentir frio; quer conhecer um parque de neve indoor.

O Snowland pode não ter muita graça se você já foi a uma grande estação de esqui.

Pelo menos foi esta a sensação que tivemos. O Snowland foi muito bom para conhecermos a neve e levarmos nossos primeiros tombos. E também serviu para nos dar um gostinho de como é descer uma montanha com esquis e snowboard. Em outras palavras, serviu de grande incentivo que uma de nossas próximas viagens seja para um lugar muito frio e com esportes de neve.

A seguir uma tabela com os preços do passaporte para o Snowland, conforme no site oficial em 25/01/2016. 

Tabela de preços do SnowlandTabela de preços do Snowland. (fonte: site do Swnoland)

Vale lembrar para praticar esqui e snowboard é preciso alugar os equipamentos. O valor não está incluso no ingresso do parque.

Quando fomos, em janeiro, pagamos R$65,00 por cada modalidade, que incluiu o aluguel do equipamento e uma aula. Se você não precisa de aulas e quer apenas o equipamento, o aluguel sai por R$40,00.

Outra atração que não está inclusa no valor do ingresso é o Moto Neve. No dia em que visitamos o parque, ele estava em manutenção. Então não pudemos experimentar.

Quer ver alguns dos meus tombos no Snowboard? Assiste aí! Está no nosso canal do YouTube.

Max perfil

Max Braga

Max é desenvolvedor de software e se acha um bom contador de histórias. É escoteiro e, nas horas vagas, gosta de viajar e se distrair!

Facebook

Os Turistas têm uma entrega especial para você!

Assine nossa lista e receba mais artigos como este diretamente no seu e-mail. É prático, é rápido e é gratuito!

Nós respeitamos sua privacidade. Prometemos que não enviaremos spam. Apenas o informativo de artigos novos no blog. Você receberá, no máximo, um e-mail nosso por dia. Pode confiar!

Artigos relacionados

Booking.com